terça-feira, 11 de janeiro de 2011

estilhaço










palavras são
pedras

pedras
construindo

o poema e como
pedras

tendem
ao silêncio.

palavras são
pedras

palavras são
mudas

(a voz
do poema

é simplesmente
o barulho

da vidraça
e s t i l h a ç a d a

no impacto
da primeira

pedra
atirada)

Um comentário:

  1. Cara, gostei demais - construção e tema em perfeita sintonia!
    Abraços!

    ResponderExcluir